segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO DEPUTADO MOACIR MICHELETTO

Dep. Federal Moacir Micheletto

Com profundo pesar recebi na tarde desta terça-feira (30) a notícia do falecimento do deputado federal Moacir Micheletto, meu grande amigo de primeira hora, homem digno e honrado que defendeu com altivez e profundo conhecimento as causas do setor produtivo do Estado do Paraná e do Brasil.

O Brasil perdeu um grande parlamentar, mas o Paraná, em especial, perdeu além de um deputado que sempre lutou pelos interesses do Estado, um grande homem. Eu perdi um importante companheiro e acima de tudo, um grande amigo de todas as horas. Um homem digno, sério e honrado que fará muita falta para todos nós.

Lamento profundamente a morte do meu grande amigo e rogo a Deus que reserve um lugar especial para esse seu filho ilustre, amparando nesse momento de grande dor a família enlutada.

Deputado Federal Osmar Serraglio
Vice-líder do Governo na Câmara

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Umuarama inicia instalação de câmeras de segurança


Teve início ontem (4) à tarde a instalação de postes de concreto nos pontos (locais) que integrarão o sistema de videomonitoramento na cidade. Através de recursos liberados pelo Ministério da Integração Nacional e contrapartida da Prefeitura, serão investidos cerca de R$ 280 mil na aquisição dos equipamentos necessários.

R$ 250 mil são oriundos de emenda parlamentar do deputado federal Osmar Serraglio, vice líder do Governo na Câmara. A Infra Brazil Tecnology foi a empresa vencedora responsável pela instalação do sistema composto por câmeras de vídeo em locais como praças Hênio Romagnolli (Centro Cívico), da Bíblia (proximidades da estação rodoviária), Odete Mossurunga (saída para Xambrê), Santos Dumont, Arthur Thomas, Miguel Rossafa, avenidas Maringá (proximidades do Portal da Unipar), Lago Aratimbó e viaduto (saída para Maringá).

O sistema de monitoramento permitirá à polícia acompanhar a movimentação de pessoas e de veículos, agilizar o atendimento às ocorrências registradas e, inclusive, facilitar a atividade dos socorristas do SIATE (Sistema Integrado de Atendimento a Traumas e Emergências), em fase de implantação no município. "O intuito é que os equipamentos de alta tecnologia auxiliem os organismos policiais na prevenção e repressão de diversos delitos", explica o secretário municipal de Defesa Social, Hemerson Yokota.

O objetivo do prefeito Moacir Silva, ainda de acordo com o secretário Hemerson Yokota, é que em um futuro próximo o sistema seja ampliado, de acordo com orientações das polícias Civil, Militar e Guarda Municipal. Os pontos escolhidos para a etapa inicial são considerados prioritários pelas forças de segurança no município. “A base operacional funcionará na sede da Guarda Municipal”, explica Yokota.

“O sistema de videomonitoramento será de grande importância, auxiliando o trabalho das polícias e guarda municipal, servindo também como mecanismo de prevenção, inibindo ações criminosas e atos de vandalismo”, avalia o prefeito Moacir Silva.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

DR Osmar Confirma recursos para o Hospital do Câncer de Umuarama


O trabalho do deputado Osmar Serraglio, vice líder do Governo na Câmara, na última semana do ano, apresentou resultados positivos para o Hospital do Câncer de Umuarama. Dois empenhos nos valores de R$ 2.248.196,00 e R$ 269.904,00, respectivamente, autorizados pela Portaria n. 3273 do Ministério da Saúde, confirmaram a proposta do Governo do Estado, em entendimento com a Ministra Gleisi Hoffmann e com a Bancada Federal paranaense para que os recursos previstos para os hospitais filantrópicos não fossem perdidos, com a mudança de ano.

Os empenhos significam a abertura da ação proposta (que decorre de duas Emendas da Bancada, uma de R$ 25,0 milhões e outra de R$ 15,0 milhões) e garantem o prosseguimento da liberação das verbas orçamentárias em benefício dos hospitais. “Esses empenhos de pequeno valor tiveram o objetivo de assegurar os recursos”, disse Serraglio, que, além da defesa desta proposta, ainda emepenhou R$ 1 milhão de Emenda Individual para o Hospital do Câncer e destinou, já para o orçamento de 2012, Emenda Individual de mais um milhão de reais para o Hospital.

Osmar Serragliio, que ficou até às 18h do dia 30 de Dezembro no Palácio do Planalto, pela persistência foi até entrevistado pelo Jornal da Globo, da Rede Globo. “Foi a única forma de salvar recursos para o Hospital do Câncer de Umuarama. Nos dias 28, 29 e 30, fui mais de dez vezes ao Ministério da Saúde e de lá ao Palácio do Planalto, no Gabinete da Ministra Gleisi Hoffmann, a fim de ajustar aspectos técnicos, para que o empenho pudesse ser feito. Os deputados estão de recesso, muitos inclusive na praia, mas fiquei lá de plantão, porque sei quantas pessoas e famílias serão beneficiadas com essa minha insistência”, disse.

OGU 2012 – Osmar Serraglio está comemorando também a inclusão de mais R$ 8.655.550,00 para o Uopeccan no orçamento Geral da União de 2012, cuja proposta foi levada pelo parlamentar à discussão da Bancada Federal. Deste total, R$ 2.545.750,00 são referentes à Emenda de Bancada n. 71170010, para Estruturação de Unidades de Atenção Especializada em Saúde – Aquisição de equipamentos para Hospitais Filantrópicos do Estado do Paraná, que beneficiará com quantias equivalentes as seguintes instituições de saúde: Hospital do Câncer de Umuarama, Hospital do Cajuru, Hospital Pequeno Príncipe, Hospital Evangélico, Hospital Erasto Gaertner e, Santa Casa de Curitiba, que somam R$30,0 milhões.

A Emenda n. 71170011 destinada a Estruturação de Unidades de Atenção Especializada em Saúde – Aquisição de equipamentos para Hospitais Regionais do Estado do Paraná garante ao Hospital do Câncer de Umuarama o valor de R$ 6.109.800,00, isso em razão das conversações com o Governo do Estado para transformar o Hospital do Câncer em Hospital Regional de Umuarama, o que está em processo bem adiantado. A emenda da Bancada é de outros R$.30,0 milhões.

Para garantir a inclusão de verbas que beneficiem o Hospital do Câncer de Umuarama, Osmar Serraglio teve que ser enfático quando de sua defesa na reunião da Bancada Federal. “Não é possível que toda uma região fique sem nenhuma emenda”, reclamou Serraglio ao insistir na proposta do Uopeccan, posteriormente acatada pelos demais parlamentares, que aceitaram incluir o Hospital do Câncer de Umuarama.

O INÍCIO - Desde seu primeiro ano de mandato, Osmar Serraglio já vislumbrava a construção do Hospital do Câncer em Umuarama. Em 1999 apresentou sua primeira proposta, através da Emenda n.02285 ao Projeto de Lei n. 0019/1999-CN, no valor de R$ 3 milhões para construção do referido Hospital, justificando a proposição pelo fato de Umuarama ser cidade pólo da Região. Nos anos seguintes, enquanto insistia no projeto, apoiava as Emendas de Bancada, para o Hospital do Câncer - UOPECCAN de Cascavel, por ser quem atendia a Região de Umuarama. Para a região, a única emenda que conseguia era a que previa a construção da Estrada Boiadeira, que agora está incluída no PAC.

A obra do Hospital do Câncer de Umuara terá 14.500 m2, ao custo aproximado de R$ 20 milhões. Outro tanto será gasto com equipamentos para um atendimento diário de 200 pacientes. “Esta é uma obra de fundamental importância para Umuarama e toda a região Noroeste, uma vez que vai evitar que mais de 400 pacientes da região tenham de se submeter a viagens cansativas para o tratamento em centros distantes" afirmou Vanderley Rosa, que dirige a Instituição em Umuarama, com o apoio dos Rotarys Clubes. “É um sonho que vem há muito tempo e agora estamos prestes a vê-lo se tornando realidade”, conclui o deputado Serraglio.