quarta-feira, 23 de março de 2016

Mais um passo para tornar Castro oficialmente a Capital Nacional do Leite


A CE (Comissão de Educação, Cultura e Esporte) do Senado Federal, aprovou na terça-feira (22) o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 175/15 de autoria do deputado federal Osmar Serraglio (PMDB-PR) que confere ao Município de Castro o título de “Capital Nacional do Leite”. A proposta que vai para análise e votação no Plenário daquela Casa de Leis teve parecer favorável do senador Álvaro Dias (PV-PR).
Castro há muitos anos é conhecida pelo destaque na produção de leite e isso vem aumentando ano a ano, chegando a ser o maior produtor de Leite do País, produzindo em torno de 240 milhões de litros/ano, o que é decisivo pra manutenção de maior produtor de leite do país. A região de Castro concentra a atuação das três principais cooperativas produtoras de leite do Estado do Paraná – Castrolanda, em Castro, a Batavo em Carambeí, e a Capal, de Arapoti.

Presidente da Frente Parlamentar do Cooperativismo no Congresso Nacional (Frencoop), Osmar Serraglio enaltece o brilhante trabalho das cooperativas no setor. “Os produtores de Castro são precursores em tecnologia, e a qualidade do produto está acima da média nacional. Além disso, a maneira como o leite é captado, a forma como é realizado o transporte e o armazenamento são detalhes de operacionalização que fazem a diferença”, diz Serraglio.