terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Pessuti assina cessão de áreas e beneficia instituições em Umuarama


O governador Orlando Pessuti assinou nesta segunda-feira (dia 27) no Palácio das Araucárias, em Curitiba, cinco Termos de Direito de Uso de Imóvel, a cinco instituições que atuam na cidade de Umuarama. A cessão é uma antiga reivindicação da região e totaliza 145,2 hectares, beneficiando diretamente a Universidade Estadual de Maringá – UEM, Iapar – Instituto Agronômico do Parana, Emater – Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural, Colégio Agrícola de Umuarama e IAP – Instituto Ambiental do Paraná.

A área foi doada na década de 90 pelo município de Umuarama à União para a instalação do Colégio Agrotécnico Federal que não chegou a entrar em funcionamento e ficou abandonada por aproximadamente 10 anos. Após reiteradas reivindicações do deputado federal Osmar Serraglio, finalmente no dia 15 de Outubro de 2010 o Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo assinou a cessão ao Estado do Paraná para que fosse repassada as respectivas instituições.

De acordo com o deputado Osmar Serraglio, com a legalização do terreno todas as instituições poderão trabalhar com mais segurança. “Hoje a situação está legalizada e é possível destinarmos recursos, tanto da União quanto do Estado para melhorias e com isso oferecermos melhores serviços a toda a comunidade regional. Valeu a pena a nossa persistência. Foi uma grande luta, porém, com uma vitória ainda maior”, disse.

O governador Orlando Pessuti disse que procurou agilizar todo o processo assim que a União cedeu o imóvel ao Estado. “Nós estivemos juntamente com o Serraglio tratando desse assunto com o Ministro e assim que recebemos o documento fizemos questão de resolver esta situação”, disse. Ele lembrou ainda que assumiu o compromisso na última visita que fez a Umuarama quando da oficialização do grupamento independente do Corpo de Bombeiros.

O secretário especial de Corregedoria e Ouvidoria Geral do Estado, Antonio Comparsi de Mello, elogiou a atitude do governador. “Com este ato, o governador Pessuti revela, mais uma vez, sua competência administrativa e sua enorme capacidade para o diálogo e para o atendimento das necessidades da população do Paraná”, disse.

A legalização do imóvel procurou respeitar a utilização já existente, ficando da seguinte forma: UEM: duas propriedades com área total de 59,1314 hectares – uma com 34,2630 e a outra com 24,8684 hectares); Iapar: 42,5760 hectares; Emater: 18,3442 hectares; Colégio Agrícola: duas propriedades com área total de 16,9990 hectares – uma com 14,4140 e a outra com 2,2850 hectares; e IAP: 4,2586 hectares. O deputado estadual Fernando Scanavaca também participou do ato de assinatura da cessão das áreas.