sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Umuarama terá sistema de videomonitoramento até inicio de outubro


Uma empresa especializada, a Infra Brazil Tecnology, de Curitiba, foi a vencedora da licitação realizada pela Prefeitura para instalar um sistema de vídeo-monitoramento em diversos pontos da cidade (a região central concentrará a maioria). O processo prevê a instalação de câmeras em locais como praças Hênio Romagnolli (Centro Cívico), da Bíblia (proximidades da estação rodoviária), Odete Mossurunga (saída para Xambrê), Santos Dumont, Arthur Thomas, Miguel Rossafa, avenidas Maringá (proximidades do Portal da Unipar), Brasil e viaduto (saída para Maringá) até o início de outubro.

"O intuito é que os equipamentos de alta tecnologia auxiliem os organismos policiais na prevenção e repressão de diversos delitos", explica o secretário municipal de Defesa Social, Hemerson Yokota. O projeto prevê investimentos de aproximadamente R$ 290 mil. Os recursos, oriundos do governo federal, foram assegurados através de emenda do deputado federal dr. Osmar Serraglio.

O sistema de monitoramento permitirá à polícia acompanhar a movimentação de pessoas e de veículos, agilizar o atendimento às ocorrências registradas e inclusive facilitar a atividade dos socorristas do SIATE (Sistema Integrado de Atendimento a Traumas e Emergências), em fase de implantação no município.

"Em um futuro próximo, o número de equipamentos poderá ser ampliado", diz o secretário Hemerson Yokota, destacando que os pontos foram escolhidos em comum acordo com representantes das polícias Militar, Civil e da Guarda Municipal. "Os maiores conhecedores da área da segurança pública identificaram as prioridades para os dez equipamentos que compreendem a primeira etapa do sistema de vídeo-monitoramento, levando em conta que a central de operações funcionará na sede da Guarda Municipal. Outra novidade é o rastreamento de viaturas", complementa.

"A segurança pública só tem a ganhar com o sistema de câmeras", avalia o prefeito Moacir Silva. "O trabalho integrado das nossas forças policiais ganha um aliado de peso, atendendo um clamor da comunidade", diz.

Fonte: Prefeitura Municipal de Umuarama/assessoria de imprensa.