quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Serraglio é indicado para acompanhar projeto da ferrovia PR/MS


Vânio Pressinatte

Durante reunião entre os governadores Beto Richa (Paraná) e André Puccinelli (Mato Grosso do Sul) com os ministros dos Transportes, Alfredo Nascimento e, das Comunicações, Paulo Bernardo, em Brasília, na quarta-feira (16), para tratar do ramal ferroviário interligando as malhas ferroviárias dos dois estados, o deputado federal Osmar Serraglio (PMDB) foi indicado como o parlamentar paranaense para o acompanhamento do projeto na esfera federal. Pelo Mato Grosso do Sul, foi escolhido o deputado Giroto (PR).

Serraglio que já havia participado da primeira reunião entre os governadores no último dia 07, em Curitiba, para viabilizar a construção do ramal ferroviário interligando a Ferrovia do Pantanal, na região de Maracaju e Dourados, no Mato Grosso do Sul, até Cascavel, no Paraná, passando por Mundo Novo e Guaíra, defende um projeto ainda mais audacioso, a ligação Guaíra - Maringá. “Já temos a linha até Cianorte e precisamos viabilizar Cianorte a Guaíra. Será um pontapé no desenvolvimento de toda a nossa região e dos dois Estados”, afirma o deputado.

Na reunião ficou decidido que os estudos de viabilidade para a execução da obra serão contratados pela estatal Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S/A. O primeiro passo para isso é a elaboração do termo de referência, já autorizada pelos dois governadores, e que deverá ficar pronto em 30 dias. A intenção é lançar o edital de licitação do projeto ainda no primeiro semestre deste ano.

Também participaram da reunião o diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo; o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Luiz Antonio Pagot; o presidente da Valec, José Francisco das Neves; os secretários paranaenses da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, e do Planejamento, Cássio Taniguchi; o presidente da Ferroeste, Maurício Querino Theodoro, e de representantes das bancadas federais dos dois estados.

Pelos executivos dos dois estados o andamento do projeto será acompanhado pelos secretários José Richa Filho e Cássio Taniguchi (Paraná) e pelo secretário de Planejamento, Carlos Alberto de Menezes (Mato Grosso do Sul). Juntamente com o grupo de trabalho, Serraglio participará na próxima segunda-feira (21), de reunião no Palácio das Araucárias, em Curitiba, para dar continuidade ao assunto.